Chat Feminino
Livros

[Resenha] – O Lado Bom da Vida

Finalmente voltei pro blog e já vim com a resenha do livro O Lado Bom da Vida. Antes de começar a resenha por si só, vim falar um pouco sobre o #blogselivros, um projeto de sete blogueiras que gostam de ler e resolveram fazer um ‘clube do livro’ mensal. O projeto começou mês passado mas eu engoli mosca e não terminei de ler “Como eu era antes de você”, mas em setembro fui aplicada e li o livro proposto. ;) Então vem comigo!

o-lado-bom-da-vida

Sinopse  – O Lado Bom da Vida

Pat Peoples, um ex-professor de história na casa dos 30 anos, acaba de sair de uma instituição psiquiátrica. Convencido de que passou apenas alguns meses naquele “lugar ruim”, Pat não se lembra do que o fez ir para lá. O que sabe é que Nikki, sua esposa, quis que ficassem um ‘tempo separados’.
Tentando recompor o quebra-cabeças de sua memória, agora repleta de lapsos, ele ainda precisa enfrentar uma realidade que não parece muito promissora. Com seu pai se recusando a falar com ele, sua esposa negando-se a aceitar revê-lo e seus amigos evitando comentar o que aconteceu antes de sua internação, Pat, agora um viciado em exercícios físicos, está determinado a reorganizar as coisas e reconquistar sua mulher, porque acredita em finais felizes e no lado bom da vida.
À medida que seu passado aos poucos ressurge em sua memória, Pat começa a entender que ‘é melhor ser gentil que ter razão’ e faz dessa convicção sua meta. Tendo a seu lado o excêntrico (mas competente) psiquiatra Dr. Patel e Tiffany, a irmã viúva de seu melhor amigo, Pat descobrirá que nem todos os finais são felizes, mas que sempre vale a pena tentar mais uma vez.
Um livro comovente sobre um homem que acredita na felicidade, no amor e na esperança.

Resenha – O Lado Bom da Vida

Não tem como fazer essa resenha sem comparar o livro com o filme, acaba sendo inevitável porque eu vi o filme antes de ler o livro e adianto logo, os dois são bem diferentes.

A história é narrada por Pat, que claramente tem problemas e muitas vezes no início a gente fica confuso sem entender as coisas. Me senti na mente desorganizada do personagem principal, se eu não soubesse o que tinha acontecido (que apareceu no filme) eu teria ficado mais confusa do que eu fiquei lendo, mas com o tempo as coisas vão melhorando.

Confesso que foi uma leitura não tanto agradável, achei o livro esquisito e menos positivo do que pensei que fosse ser sabe? Mas ainda assim é uma leitura que me fez pensar e refletir que toda história tem um lado bom, de tudo que a gente vive a gente tira uma lição, aprende algo. ;)

Recomendo mais o filme que o livro tá? heh

Para ler as resenhas das meninas, acesse o blog delas:

Desejo do Dia | Dona Bispa | Menos 1 na Estante | Mundo da Helen | Nerdivinas | Oxente Menina |  Vaidade Pega

Siga nossas Redes Sociais ⇒ Instagram |  Twitter | Facebook | Snapchat: naryleandro

You Might Also Like...

2 Comments

  • Reply
    Vy
    7 de outubro de 2016 at 5:46 pm

    Nossa, nunca parei pra entender sobre o que era essa história, e depois de tanto tempo, pareceu bem mais interessante do que eu imaginava!

    Eu li Me before you super rápido, mas prepara os lenços!

    • Reply
      Nary
      7 de outubro de 2016 at 6:03 pm

      É uma história bem interessante mesmo, eu lembro que fui ao cinema sem nem saber do que se tratava e saí de lá bem satisfeita. Acho que ler o livro antes deveria ter sido melhor. hehehehe Eu não consegui terminar me before you por causa da campanha política, mas pretendo!

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.