hidratação Archives | Página 2 de 9 | Chat Feminino
Navegar por Tag

hidratação

Cabelos

Cronograma Capilar com Yamasterol

O yamasterol é um creme famoso, querido e amado por quem cuida dos cabelinhos. Por ser multifuncional e leve, ele se adapta a todos os tipos de cabelo e ainda serve para várias coisas. Já testei o famoso amarelinho aqui e no post de hoje vim trazer formas de você usar o seu amarelinho no cronograma capilar.
O cronograma, nada mais é que uma agenda de cuidados capilares dividida em três partes: hidratação, nutrição e reconstrução. Falei dele beeeem detalhadamente nesse post aqui, acontece que muita gente acha que é caro fazer cronograma, porque tem que comprar três máscaras e tal, masssss, dá pra fazer apenas com o yamasterol amarelinho e seguir com os cabelos lindos!

Dá também pra usar os três yamasterois (?) disponíveis no mercado pra seguir o cronograma, vou explicar as duas formas no post. ;)

Cronograma capilar com Yamasterol

Cronograma capilar com yamasterol amarelo

Para fazer o cronograma com apenas o yamasterol amarelo você vai precisar de:

  • Yamasterol amarelo (dã! rs)
  • Glicerina líquida
  • D-Pantenol
  • Queratina Líquida ou Gelatina sem sabor
  • Óleo Vegetal

Hidratação com yamasterol

Para a etapa da hidratação, nós vamos devolver água para o cabelo e para isso vamos usar a glicerina líquida e o d-pantenol para misturar no yamasterol. Você vai pegar a quantidade de creme para o seu cabelo e juntar com uma colher de chá de glicerina e uma tampinha de d-pantenol. Aplique nos cabelos limpos, enluvando as mechas, deixe agir de 10 a 20 minutos, enxague e condicione normalmente.
Para que a hidratação seja mais power ainda, use uma touca. ;)

Nutrição com yamasterol

A nutrição é a etapa de devolver oleosidade natural aos fios e por isso vamos usar óleo vegetal para batizar o yamasterol. Eu gosto de usar óleo de coco na etapa de nutrição, mas você pode usar qualquer óleo vegetal, inclusive azeite. Se for usar óleo vegetal, procure um que seja puro, sem aditivos tá? Eu uso o óleo de coco puríssimo da salon line pra batizar todos os meus cremes e gosto muito.

Para batizar seu yamasterol, coloque a quantidade necessária para o seu cabelo em um pote, junte uma colher de chá de óleo, misture e aplique nos cabelos enluvando mecha a mecha. Deixe de 10 a 20 minutos, enxague, condicione e finalize o cabelo da forma que preferir.

Reconstrução com yamasterol

A reconstrução devolve queratina aos fios, por isso, vamos usar queratina líquida ou gelatina incolor para misturar ao yamasterol amarelinho. Para misturar a queratina é só colocar um pouco em um pote e juntar o yamasterol, já a gelatina você precisa dissolvê-la em água quente e depois misturar na máscara. Para passar a misturinha, é só enluvar os fios já lavados com shampoo, mecha a mecha, deixar de 10 a 20m, enxaguar, condicionar o finalizar o cabelo do jeito que você preferir.

Na etapa da reconstrução eu gosto de usar um shampoo antiresíduos para lavar os fios, assim os cabelos estarão mais limpos para receber a queratina. ;)

Pra facilitar, eu fiz uma colinha:


Lembrando que todas as misturinhas devem ser feitas para uso imediato tá? E sempre em um potinho de plástico separado, de preferência mexer a mistura com uma espátula ou colher de plástico.

Se você não quer usar apenas o yamasterol amarelo ou já tem os outros, dá pra fazer o cronograma com eles sim!

  • Hidratação: Yamasterol amarelinho
  • Nutrição: Yamasterol Argan
  • Reconstrução: Yamasterol Proteína hidrolisada (embalagem branca) ou Yamasterol com queratina (embalagem rosa)

Claro que você pode usar esses acima e potencializar com as misturinhas que ensinei no post. ;)

Beijinhos!

Siga nossas Redes Sociais ⇒ Instagram  Twitter | Facebook

Cabelos

D-Pantenol no cabelo: diversas formas de usar

Se você me segue lá no instagram certamente já me viu falando de d-panentol e as maravilhas que ele faz nos cabelos. E se você der um pulinho na farmácia mais próxima vai perceber a quantidade de produtos que contém essa substância estão sendo comercializados. Antes o império era da marca bepantol, mas hoje temos vários genéricos que fazem a mesma função e custam bem menos, nosso bolso e cabelos agradecem muito! De tanto falar no insta e tanto ver como esse produto pode ser utilizado no cabelo e trazer ótimos resultados, resolvi fazer esse post mostrando diversas formas de usar o d-pantenol nos cabelos.

D-Pantenol nos cabelos: diversas formas de usar

O que é D-Pantetol

O D-Pantenol, ou Dexapanthenol é a pró-vitamina B5. A substância é considerada precursora do ácido pantotênico, vitamina fundamental na vitalidade da pele e dos cabelos, por isso é tão usada em dermocosméticos. O ácido pantotênico é essencial para o funcionamento normal dos tecidos epiteliais e quando o corpo fica carente dessa substância, alguns problemas podem ocorrer como descamação da pele, despigmentação e disfunções fisiológicas. Por isso que os produtos que contém d-pantenol são tão utilizados, porque eles ajudam a evitar esses problemas no corpo. ;)

D-Pantenol nos cabelos: os benefícios

Para as moças dos cabelos descoloridos (oie!) ele ajuda a dar uma encorpada no fio e a combater as pontas duplas, quem descolore o cabelo sabe que a ação do descolorante faz com que os fios fiquem mais finos, fragilizados e cheios de ponta dupla, portanto, d-pantenol vem pra salvar os cabelinhos dessa situação horrorosa.

Ele também age como hidratante, criando uma película nos fios, trazendo uma ação condicionante e mantendo a juba hidratada, inclusive, ele é muito utilizado para turbinar máscaras na etapa de hidratação do cronograma capilar. Além disso ele aumenta o brilho dos fios e fortalece o cabelo. De todas as formas ele vai deixar o seu cabelo bem mais lindo. E ah, todo mundo pode usar viu? Não importa se seu cabelo é alisado, liso, ondulado, crespo ou cacheado, o d-pantenol é indicado para todos!

 

D-Pantenol nos cabelos: Diversas formas de usar

Já expliquei o que é e os benefícios dessa maravilhosidade no cabelo, agora bora anotar várias formas de usar pra deixar seus cabelos incríveis.

Formas de usar D-Pantenol no cabelo

Fiz essa imagem bem grande pra você pinnar no seu pinterest e deixar salvo. ;)

Mas vamos lá, você pode usar o d-pantenol de várias formas, pode batizar seu creme de hidratação ou seu shampoo, lembrando que ao batizar o creme, você só pode adicionar o d-pantenol à quantidade exata que você vai usar naquela hora, depois perde a eficácia. O ideal é transferir um pouco do seu creme de hidratação para um pote, misturar com o pantenol e aplicar nos fios, gosto de deixar cinco minutos e enxaguar. ;)

Outra forma que eu uso e amo muito é usar um pouquinho do pantenol misturado com meu óleo de finalização (uso esse aqui da pantene), dar uma misturadinha na mão mesmo e passar no comprimento e fios do cabelo, ele fica suuuper hidratado e controla o frizz. Esse método da finalização você também pode fazer com creme de pentear.

Para hidratação do couro cabeludo o truque é misturar com água (eu prefiro misturar com água mineral), passar no couro cabeludo e fazer uma massagem. E ele misturado com água também serve pra revitalizar os fios no day after ou naqueles dias de bad hair day, uso sempre no borrifador, pode confiar, é sucesso!

Você tem mais algum uso do pantenol nos cabelos? Me conta nos comentários!! :D

 

Beijinhos!

Siga nossas Redes Sociais ⇒ Instagram  Twitter | Facebook

Beleza

Hidratação para pele oleosa

Um dos grandes mitos que rodeiam a internet é que pele oleosa não precisa de hidratação. A gente pensa que porque a pele tem uma oleosidade natural, ela não precisa de hidratante e muitas vezes não nos preocupamos com esse passo na rotina de beleza e quando a maquiagem não fica perfeita, culpamos tudo, menos a falta de hidratante no rosto.

hidratação para pele oleosa

O fato é que, pele oleosa precisa sim de hidratação, a falta dela pode aumentar a produção de óleo na pele. Quando a gente cuida do rostinho adequadamente, uma cama de proteção contra agressões externas (frio, vento e poluição por exemplo) é criada em nosso rosto, evitando que ele produza desnecessariamente oleosidade, que faria essa função de proteção. Ao hidratar o rosto você repõe água e dá um descanso a sua pele. ;)

A busca para o hidratante ideal é muitas vezes grande, mas vale sempre procurar um dermatologista e produtos que contenham gel, loção e que não possuam óleo na composição. Se você usa ácido, deve sempre hidratar a pele, porque o ácido acaba ressecando a pele e deixando-a bem sensível, o hidratante vai ajudar nessa parte também.

Quando usar hidratante facial

Agora que você já sabe que tem que usar hidratante facial mesmo que sua pele seja oleosa, quando usar então?

  • Sempre após lavar o rosto – depois que você lavas o rosto com um sabonete específico para a sua pele, use o hidratante para devolver água ao seu rosto e protegê-lo. Se for sair pela manhã, espere uns minutos, aplique protetor solar e sua rotina de cuidados normal.
  • Antes de dormir – sempre que lavar o rosto para dormir, passe o hidratante e faça sua rotina normal
  • Antes da maquiagem –  Antes de maquiar eu gosto de passar soro fisiológico gelado para fechar os poros e depois hidratar. É bom deixar a pele absorver o hidratante antes de começar a maquiagem.

 

Hidratante facial para pele oleosa

E agora, que hidratante comprar?! Separei alguns que podem ser usados para peles oleosas. Lembrando que o indicado é você procurar um dermatologista ok? ;)

Hidratante pele oleosa

 

Gel hidratante antioleosidade Granado  – Gel hidratante dramatically different Clinique – Creme matificante vinosource CaudalieNormaderm skin balance Vichyhidratante facial oil free neutrogenaEffaclar mat La Roche PosayLoção facial tea tree The Body ShopGel creme facial promegranate Korres – Dermopurifyer gel de limpeza Eucerin Profuse Puriance ultimate gel facial

 

Não esqueça que de nada adianta só usar cremes hein, tem que beber muita água! A hidratação também vem de dentro. ;)

 

Beijinhos!

Siga nossas Redes Sociais ⇒ Instagram  Twitter | Facebook |

 

Foto: Shutterstock

 

hidratação pele oleosa