cabelos cacheados Archives | Chat Feminino
Navegar por Tag

cabelos cacheados

Cabelos

Vamos falar de curvatura dos fios do cabelo?

A Nary já falou aqui no Chat Feminino sobre cronograma capilar, deu dicas de produtos mara pros fios e máscaras baratinhas de hidratação, nutrição (e umectação) e reconstrução para ninguém reclamar que não tem dinheiro pra fazer, maaaaaas se você não souber a curvatura dos seus fios você pode não estar aproveitando 100% o que os produtos podem fazer por você, amiga!

Quanto mais a indústria se volta para o atual nicho de mercado bombado que são os cachos e crespos, mais produtos temos nas prateleiras e alguns deles são específicos para certas curvaturas. Então, é bacana você saber qual o tipo da sua cabeleira para poder mirar exatamente nos shampoos, condicionadores, máscaras e cremes para pentear para que você possa conseguir extrair o melhor resultado possível.

Curvatura dos fios do cabelo

A verdade é: seu cabelo nunca terá apenas um tipo de estrutura de fio. Já vi relatos de gente que possui até 4 tipos de curvaturas (tipo, a da nuca é um, no topo da cabeça que é o que mais recebe a ação das impurezas, outro e por aí vai). Então a regrinha é observar o que predomina. Eu, por exemplo, já identifiquei 3 curvaturas no meu cabelo, mas eu sou predominantemente 3A. E o que é isso? Então vem:

O tipo dos fios e suas subdivisões

Tipo 1 – LISO

no cabelo tipo liso, a curvatura da raiz às pontas, volume e o temido frizz são praticamente inexistentes.

Tipo 2 – ONDULADO:

os cabelos do Tipo 2 podem até parecer para muitos que são cabelos lisos, mas aqui já começam a surgir as primeiras ondas em formato “s” no comprimento e pontas só que a raiz ainda sem mantém lisa. O frizz já começa a dar as caras e é um tipo de cabelo super difícil de modelar. Por possuir ondas, há risco de ressecamento nas pontas. A partir de agora a gente subdivide os cabelos do jeitinho que a gente vê nos rótulos dos produtos. É só manter em mente: quanto mais próximo do A, mais próximo da categoria anterior desde a raiz. Mais próximo do C, mais próximo da próxima categoria.

Tipo 2A: ondulações super leves, pode até passar a impressão de fio liso, mas é possível ver que os fios não são 100% retos.
Tipo 2B: raiz lisa e se vê ondulações em “s” pela extensão dos fios até às pontas.
Tipo 2C: fios mais grossos, ainda de raiz lisa e com ondas em “s” mais marcadas, mas não chega a fazer o cacho.

Cuidados: quem é do Tipo 2 precisa se ligar muito na quantidade de produto para não pesar os fios. Se gosta de deixar as ondas mais marcadas, investir em gel, spray e mousse, sempre amassando para ativar as ondas.

Tipo 3 – CACHEADO:

o Tipo 3 possui cachos definidos e com tendência ao ressecamento já que quanto mais ondinhas e cachinhos, mais difícil a oleosidade natural da raiz chegar às pontas. Dizem que é o tipo mais “chatinho” de se lidar porque não tem uma definição por conta própria e risco de deixar aquele volumão sem forma.

Tipo 3A: cachos maiores, espaçados, alguns bem definidos já em formato de espiral. A raiz pode ser lisa.
Tipo 3B: cachos em espiral mais definidos (alguns mais fechados, outros mais abertos) por toda a extensão do cabelo. Raiz mais ondulada.
Tipo 3C: cachos em espirais fechados, definidos, mais grossos e bem próximos uns dos outros.

Cuidados: as cacheadas do Tipo 3 precisam dar atenção à nutrição dos fios já que devido aos cachos, a oleosidade natural não chega em toda a extensão dos fios. Recomenda-se a técnica da fitagem para ativar bem os cachos dando aquela definição que toda cacheada gosta. Lavagens 3x na semana são o ideal e, se possível, com shampoo sem sulfato (técnicas Low Poo/No Poo) para evitar ainda mais o ressecamento.

Tipo 4 – CRESPO:

o Tipo 4 são os cabelos crespos. Volumão e fragilidade são características visíveis já que tendem ao ressecamento pela dificuldade da oleosidade natural chegar ao comprimento do cabelo.

Tipo 4A: fios bem enroladinhos desde a raiz com cachos apertados. Finos e sensíveis.
Tipo 4B: fios enroladinhos desde a raiz com cachos beeeeem pequeninos e volumão.
Top 4C: fios já em padrão “z”, com cachos super estreitos, bem juntinhos e com encolhimento de até 75% do seu tamanho original.

Cuidados: como é o tipo que mais precisa de atenção no quesito ressecamento, aconselha-se a diminuir as lavagens e, assim como no Tipo 3, investir em shampoos sem sulfato (técnica Low Poo/No Poo). A técnica pé-poo, ou a pré- lavagem, também é recomendada.

Entendendo visualmente

A Nary chegou a postar um álbum no Instagram para mostrar visualmente os tipos de curvatura. Saca só:

Pronto. Agora é hora de correr pro espelho, dar aquela olhada e chegar a um “diagnóstico”. Lembrando que se você está com cabelo detonado, sem forma, vai ser difícil definir seu tipo de curvatura. Se joga no cronograma capilar com produtos liberados para todos os tipos de fios e depois volte a observar os fios.

Fonte: Cacheia
Foto: Shutterstock

Curvatura dos fios do cabelo
Cabelos

Transição Capilar – O que é e como fazer

De uns tempos para cá a valorização da beleza natural está bem em evidência, claro que ela traz ainda algumas pressões para as mulheres (falarei sobre isso depois em outro post), mas um dos benefícios foi a libertação dos cachos. Cada vez mais a gente vê meninas cacheadas e onduladas assumindo seus cabelos naturais e sendo muito maravilhosas. E depois de pesquisar muito, ler muito, ponderar muito, resolvi começar a transição capilar.
Aí que é aquela coisa, tem muito material sobre esse assunto na internet mas eu sempre gosto de dar meus pitaquinhos e deixar as coisas do #meujeitinho por aqui, então, esse post é pra falar sobre transição, contar um pouco o que é isso e como fazer. Se você tá passando (ou já passou) pela transição, deixa aqui nos comentários dicas porque ajuda é sempre bem vinda! <3

Transição Capilar - O que é e como fazer

 

Transição Capilar – O que é

Muita gente não sabe, tem gente que faz sem saber o nome e tem gente que não quer nem saber de transição, mas o que é isso afinal? É deixar sair toda a química de alisamento dos seus cabelinhos até eles ficarem 100% naturais. Se você tem botox, alisamento, progressiva ou qualquer outro processo que modifica a estrutura do seu fio e deixa de fazer esse processo deixando ele “cair”, parabéns, cê tá na transição miga. Segura minha mão que tô nessa também!

Transição Capilar – Quanto tempo dura

Infelizmente não dá pra dizer o tempo exato que a sua transição vai durar porque cada cabelo uma sentença né? O ritmo de crescimento dos fios varia de pessoa para pessoa e simplesmente não dá pra dizer: “vai durar um ano” ou “vai durar seis meses”. Tem gente que ‘acelera’ a transição fazendo o big chop (grande corte, em português), que nada mais é que cortar a parte do cabelo que tem alisamento. Geralmente o BC é feito quando a pessoa já está com alguns meses de transição e quer acelerar o processo. Eu, por exemplo, descarto o big chop como opção porque não gosto dos meus cabelos curtos, mas aí é de cada um. ;)

Transição Capilar – O que fazer com o cabelo crescendo sem jeito?

Durante a transição é a hora de testar finalizadores e formas diferentes de arrumar o cabelo. Por muito tempo vai ficar metade cacheado/ondulado e metade liso, então pode ser que role um desespero (prevejo muito stress da minha parte), mas o jeito é botar a criatividade pra funcionar, usar difusor pra secar o cabelo, apostar em produtos específicos para transição capilar (algumas marcas tem) e fazer penteados pra aliviar a diferença de fibra.

Muita gente aposta no cronograma capilar pra ajudar na hora da transição, ele deixa o cabelo bem mais bonito e acho que é uma ótima opção. Eu falei detalhadamente sobre esse assunto aqui.

Comecei oficialmente minha transição essa semana, inclusive postei no instagram sobre e algumas pessoas se surpreenderam ao saber que meu cabelo não é originalmente liso, e tenho certeza que vai demorar muito pra cair toda a química do cabelo, são mais de 10 anos alisando o cabelo direto, eu nem lembro mais a forma original dele e também confesso que nunca tive paciência pra arrumá-lo porque ele é super fino e fofo. Vamos ver se consigo chegar até o fim da transição. ;)

Beijinhos

Siga nossas Redes Sociais ⇒ Instagram  Twitter | Facebook

Transição Capilar - o que é e como fazer