Chat Feminino
Viagem

[Guia de Viagem] Pedalando na Golden Gate Bridge – São Francisco

A Golden Gate é símbolo de São Francisco, já apareceu em filmes, seriados e em jogos (quem jogava Carmen Sandiego deve lembrar) e estando na cidade não tem como não fazer um passeio até a ponte né? Estando em SFO eu realmente não sabia como íamos chegar nela, mas a opção que mais chamou atenção e despertou desejo em quem estava viajando comigo (oi Isaac) era atravessar a tal ponte de bicicleta.
Quem me conhece sabe que eu sou uma pessoa que vai a academia meio que por obrigação e já tentei fazer spinning várias vezes mas desisto sempre, dói joelho (muito), coluna e os ossinhos da bunda, mas quando você tá num grupo tem que ceder e aceitar alguns passeios que você não colocaria na sua lista como prioridade, enfim…


Golden Gate, sua linda!

Aceitei essa empreitada e fomos procurar uma cia que alugava bikes pra fazer o famoso Bike to the Bridge que vai da Jefferson Street (localizada no Fisherman´s Wharf) até a ponte. Encontramos a Bike and Roll, $9 a hora, queria eu ter alugado uma das bikes elétricas mas se era $9 a hora da bicicleta normal, imagina a elétrica né, tive medo de perguntar.
Estava um dia geladinho, com temperaturas beirando 12º, todo mundo agasalhado, capacete na cabeça, bolsa amarrada na traseira da bicicleta e partimos.

Xingando muito no twitter e ao vivo também. hahahahaha

O caminho não é reto nem plano, tem algumas subidas que me fizeram descer da bike e ir empurrando a bichinha com a maior classe. Por muitos momentos eu xinguei (mentalmente ou não) Isaac pela ideia maravilhosa de me fazer suar e doer joelho e doer coluna e doer a bunda (dói gente, muito) e pelo fato de que nem tênis apropriado pra pedalar eu estava, como estávamos passeando desde de manhã cedo eu estava de botinha sem salto, então inclua também uma dorzinha no pé.

Sorrisinho amarelo.

Mas aí você chega perto da ponte e vê aquela coisa bonita, imponente e vermelha, meio coberta pela névoa mas igualzinha aquela que você viu nos filmes, nos seriados ou no jogo de Carmen Sandiego só que mais legal porque são seus olhos vendo ao vivo, é sua retina, aquela imagem agora é sua pra sempre.
Aí você aguenta mais uma subida, empurrando a bicicleta logicamente, e entra na ponte e se depara com muita gente também fazendo aquele passeio, e com uma vista linda e que agora também é minha, também tá presa na minha retina.

Chegando pertinho da ponte, é linda mesmo. Agora eu tô feliz. :P

O passeio da ponte é tranquilo (o percurso na ponte propriamente dita não cansa muito, como eu agradeci por isso!) e bonito. Um pouco atribulado porque tem tanta gente pedalando e caminhando que não dá pra correr, mas dá pra apreciar a vista e agradecer um pouquinho por aquele momento.
Ao chegar no fim da ponte você tem duas opções: ir até Salsalito, cidade vizinha e pegar um ferry de volta ao Fisherman´s Wharf ou fazer todo caminho de volta, que claro, foi o que fizemos. Nessa hora eu quis morrer porque já doía tudo, mas, eu tinha que voltar. O bom é que as ladeiras que antes eram subida (tinham várias) viraram descidas e foi só controlar a marcha da bicicleta e o freio pra que eu não perdesse o controle.
Pra melhorar a volta e acalmar minha raiva de não ter ido pegar o tal ferry fiz meu caminho pela praia, se eu tava pedalando, melhor ver o mar né?
Depois de três horas, $27 a menos na carteira, dores por alguns locais do corpo e muita sede (a gente esqueceu de levar água, um vacilo grande), devolvemos as bicicletas.

Eu pedalei viu, de verdade! E de botinha também. hahaha

Não foi o melhor passeio da minha vida, mas me orgulho de ter feito ele. No fim, vale a pena. ;)

Beijinhos

Se você quer ler sobre outras coisas da viagem que eu já contei:
15 fatos sobre Las Vegas
Warner Bros Vip Studio Tour
Cirque du Soleil – Love
Los Angeles, Las Vegas e São Francisco em 9 dias – Roteiro

You Might Also Like...

4 Comments

  • Reply
    Ericka Rocha
    22 de abril de 2013 at 9:09 pm

    Nega, que inveja! Que delícia! Arrasou no look passeando de botinha! HUAHAHUAHUAHUAHUAHUAH!!

    =D

  • Reply
    Mari
    23 de abril de 2013 at 7:28 pm

    Nary,
    Você é uma figuraça! Cara, melhor ir de bike do que a pé.
    Tem que ter fôlego para encarar essa, mas quando chega no final e vê a paisagem, tudo valeu a pena. Arrasou na ideia, curti.

    Beijocas
    http://maetosemroupa.com.br

  • Reply
    juliana
    26 de abril de 2013 at 3:39 pm

    Ai que delícia!!
    Tá ai uma coisa que quero fazer, sua viagem foi demais!
    beijus

  • Reply
    [Guia de Viagem] - Cinco coisas para fazer em São Francisco | Chat Feminino
    6 de abril de 2015 at 9:44 am

    […] e me apaixonei pela cidade! Não entendi porque depois desse tempo todo eu só fiz um post sobre o passeio de bike que fiz por lá. Vendo umas fotos essa semana percebi como tem coisa massa pra se fazer e resolvi escrever esse […]

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.