O caminho para o amor próprio é longo | Chat Feminino
Comportamento

O caminho para o amor próprio é longo

Se amar está na moda. As pautas de empoderamento, aceitação e auto estima estão em foco nas mais variadas mídias. Pessoas e marcas incentivam a auto aceitação, o empoderamento, o se ame do jeito que você é e eu particularmente acho isso lindo, mas um tanto perigoso.

Amor próprioFoto: Shutterstock

O amor próprio nunca nos foi ensinado, nós mulheres sempre olhamos para nosso corpo enxergando defeitos, fomos ensinadas a estarmos insatisfeitas com o que vemos em frente ao espelho. Não estamos prontas nunca e a indústria, as revistas e a grande mídia lucram com isso. Mas porque então é perigoso essa onda na contramão que tenta nos mostrar que nós devemos nos amar independente de qualquer coisa?

Porque no meio de toda essa energia positiva quanto ao amor próprio, pouco se fala do longo e tortuoso caminho que é aceitar cada pedacinho do seu corpo, cada ruga, cada celulite, cada estria e cada pedaço de pele sobrando pela calça, pela alça da blusa ou pelo biquini. Como são torturosas as horas se olhando no espelho e tentando encontrar a beleza que está ali mas que não estamos acostumadas a perceber.

Se amar é lindo e transformador, mas não é da noite pro dia que essa transformação na sua vida acontece, não é uma chave que você liga e “plim” chegou o amor próprio. É preciso paciência, desconstrução e muita resiliência.

É preciso cair algumas vezes, se entristecer, mas resistir e continuar no caminho, porque apesar dele ser doloroso, a recompensa que ele traz vale a pena.

Então, não se culpe por não se amar por completo, mas siga tentando.

 

Beijinhos!

Siga nossas Redes Sociais ⇒ Instagram  Twitter | Facebook

Aproveita e veja também:

Assine a nossa newsletter para receber conteúdo exclusivo e freebies. ;)

Post Anterior Próximo Post

2 Comentários

  • Responder Bruna Morgan 15 de março de 2017 at 1:10 pm

    É exatamente isso, é um caminho longo a ser percorrido, e bem dificil.
    Um amor-próprio instantâneo é perigoso, pois é superficial e pode ser derrubado nas primeiras palavras ruins!

    • Responder Nary 15 de março de 2017 at 3:05 pm

      Ás vezes eu acho que é uma construção diária e que não vai acabar sabe? Não que isso seja uma coisa boa, mas que a gente precisa aprender a lidar com ela.
      :)

    Responder